Moda e Cinema – Rush Conta Com Figurino Gucci e Ferragamo

Na semana retrasada fui convidada pela Claro para ir à premiere de Rush – No Limite da Emoção, e como uma boa nada entendedora do mundo da Fórmula 1 (quando era criança as rixas entre Nelson Piquet e Mansell e mais tarde Senna e Prost geravam o maior auê aos domingos mas eu não acompanhava muito bem toda a comoção) me surpreendi com um filme incrivelmente envolvente, muito bem contado, com atores como Chris Hemsworth, de Thor e Daniel Brühl, do ótimo filme alemão Adeus, Lenin super afiados e uma trilha incrível do meu músico preferido para trilhas sonoras, Hans Zimmer.

Mas não parou por aí, além de ser uma diversão garantida na sala de cinema (só para ter uma ideia ao final a sala lotada aplaudiu o filme), a história de talvez uma das maiores rixas que antes mesmo de chegar à Fórmula 1 já acontecia na Fórmula 3, entre os pilotos Niki Lauda e James Hunt, donos de personalidades e competências próprias e muito diferentes, é um filme todo ambientado na década de 70, mais precisamente em 1976. E para deixar tudo com aquele ar de veracidade Ron Howard, diretor do também também excelente Apollo 13, escalou ninguém menos que as grifes Gucci e Salvatore Ferragamo para produzir o figurino.

Olivia Wilde que na história interpreta a esposa de James Hunt, a modelo Suzy Miller, tem sua primeira aparição na tela com uma roupa impressionante, um mega casaco e botas suntuosas, que já causam impacto logo de cara. Ela fala que o que mais gostou no filme foram os chapéus que pode usar nas gravações e que como uma entusiasta da década de 70 não tinha como ter gostado mais de ter se envolvido no projeto. O mais impressionante é que além de ser um figurino incrível as peças são originais, ou seja, vindas diretamente do baú da grife que abriu seu acervo para o figurinista do longa.

Além de Olivia, Chris Hemsworth também usou Gucci original, já o personagem de Niki Lauda ganhou figurino Salvatore Ferrgamo. Os relógios são Tag Heuer, que era patrocinadora da Fórmula 1 naquela época com seus cronógrafos precisos.

Assista Olivia Wilde e Chris Hemsworth contando sobre suas experiências com o figurino de Rush:

Então, se você curte moda, boa história e um bom cinema não perca Rush – No Limite da Emoção.

Deixe uma resposta